O La Forchetta iniciou sua trajetória como Forchetta D´Oro, na Vila Nova Conceição e lá funcionou por 21 anos. Mais de duas décadas depois, a casa já passou pelos Jardins e Bela Vista e retoma suas origens, a 300 metros de onde nasceu.

“Queremos resgatar a tradição do restaurante para almoço de domingo em família”, conta o Chef Aldo Teixeira que reinaugura mais uma casa e, atualmente, com mais um restaurante em São Paulo o La Terrina em Pinheiros.

Repaginado, o La Forchetta traz bastante luz natural com amplas janelas de vidro que dão para uma arborizada rua. A arquitetura de Ana Vidal prioriza a casualidade que proporciona um ambiente mais acolhedor. A casa ainda conta com mesas ao ar livre nos fundos do restaurante e uma horta que será aproveitada pela cozinha.

O cardápio a la carte continua priorizando a cozinha italiana tradicional com um toque de brasilidade. O diferenciado é dado pelo chef em pratos como o “Casônsei (Cachunchelli) massa fresca produzida na casa recheados com carne bovina, presunto cru, uva passa e amareto "

Da cozinha saem iguarias como as tradicionais receitas italianas “Risotto di Zucchini e Shitake”, preparado com arroz arbóreo italiano, abobrinha e cogumelos shitake e o “Risotto com Funghi Secchi”, preparado com funghi secchi.

Outros destaques são o “Taglierini La Forchetta”, molho com manteiga, cebola, tomate sem pele, manjericão e mussarela de búfala; e o “Fettuccine Fontana Di Treve”, servido com cubos de filé regados no azeite e no alho, com tomate sem pele e orégano.

Para acompanhar os pratos, a casa propõe uma extensa carta de vinhos. O La Forchetta possui uma adega climatizada que mune o wine-bar com uma carta diferenciada com rótulos que priorizam Itália e França.